Fuja do frango grelhado e inove suas receitas

De ensopado a desfiado, dá para incrementar o cardápio sem prejudicar a dieta

POR REDAÇÃO - ATUALIZADO EM 17/11/2011

Ele é um verdadeiro clássico da dieta. Fonte de proteínas, com baixo teor de gordura e prático de preparar, o frango grelhado é sinônimo de prato magro. Mas, mesmo com esses atributos, muita gente torce o nariz para ele. O problema não está na carne em si, mas no modo de preparo, que acaba enjoando com o tempo ou é visto como sem graça.

Mas é fácil entender a razão do frango ser bem vindo em um regime alimentar. Enquanto 100 gramas de carne vermelha crua levam 155 kcal e 5,1 gramas de gorduras, a mesma quantidade de frango possui 119 kcal e 0,23 gramas de gorduras. Mas tem como fugir do frango grelhado e ainda conseguir um prato saudável, sem precisar abolir a ave do cardápio. "Versátil, o frango possibilita refeições práticas e, por isso, é muito utilizado por quem faz dieta", explica a nutricionista Renata Garrido Mendes, do Hospital Nove de Julho.

Faça sua avaliação de peso

Rolê de frango

Por que comer frango

Com elevado teor de aminoácidos (indispensáveis ao crescimento, conservação e reparação dos tecidos) e fonte de vitaminas do complexo B (útil para a formação de hemoglobina), a carne de frango é classificada como alimento saudável por ser pobre em gorduras, quando consumida sem a pele, já que essa pode ser até quatro vezes mais gorda que a própria carne.