Farinha de coco faz emagrecer e controla doenças como o diabetes

Dá para substituir a farinha de trigo nas receitas, incrementar o iogurte e temperar a salada

POR CAROLINA SERPEJANTE - ATUALIZADO EM 01/09/2016

O óleo de coco já transformou a rotina de muita gente que sofre para emagrecer. Depois dele, outro derivado da fruta deve fazer sucesso: a farinha (ou farelo) de coco já aparece como parte da alimentação voltada à perda de peso. "Esse produto é natural e tem baixos níveis de gorduras, já que elas foram retiradas para formar o óleo de coco", afirma o nutrólogo Wilson Rondó, especialista do Minha Vida. "Além disso, a farinha de coco possui propriedades que favorecem a perda de peso, reduzem o colesterol ruim e até controlam os níveis de açúcar no sangue", aponta o especialista.

A moda está chegando ao Brasil agora, mas o estudo mais abrangente sobre o assunto, publicado na revista Innovative Food Science and Emerging Technlologies, já dava a dica em 2006: os pesquisadores descobriram que a farinha de coco diminui o índice glicêmico dos alimentos e controla os níveis de colesterol das pessoas que comem sem impedir a absorção de outros nutrientes. Vendido em lojas de produtos naturais, o produto pode ser consumido acompanhando frutas, iogurte, vitaminas e até mesmo em receitas, como substituta da farinha de trigo. Entenda como ela age no organismo e aproveite os seus benefícios:

Melhora a saciedade

O nutrólogo Wilson Rondó, da Associação Brasileira de Nutrologia, de São Paulo, explica que as fibras respondem por 70% da composição da farinha de coco, quatro vezes mais que o farelo de aveia, por exemplo. Essa alta concentração deixa a digestão mais lenta e gera mais saciedade. "Ao ser digerido, o farelo de coco forma um bolo no estômago, fator que também contribui para adiar a fome", afirma o especialista. "Você pode associar o farelo a frutas e ele irá retardar a digestão do prato como um todo, potencializando seu lanche."