Sozinha e sem bons hábitos, essa mistura não emagrece e tem carência de nutrientes

O nome da mistura foi vetado pela Anvisa por não ser uma refeição completa

POR REDAÇÃO - PUBLICADO EM 22/11/2010

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) vetou o uso do nome "ração humana" em rótulos de produtos, alegando que essa expressão dá a ideia de que o alimento supre todas as necessidades nutricionais - o que não é um engano. Esse complemento alimentar não deve servir como substituto de refeições e, se utilizado inadequadamente, pode trazer até malefícios à saúde.

A ração humana se transformou na mania preferida daqueles que desejam eliminar os quilos extras. No entanto, para enxugar as gordurinhas, não existem receitas milagrosas. Por isso, vale a pena entender melhor sobre esse assunto.

O que é a ração humana
A mistura é um composto de cereais, colágeno, açúcar, pó de guaraná e outras substâncias que ajudam a regular as funções intestinais e a acelerar o metabolismo. Entre os benefícios atribuídos a ela quando combinada com uma dieta saudável, estão o aumento da disposição, o controle do colesterol ruim (LDL) e a diminuição dos riscos de doenças cardíacas, a prevenção de diabetes e osteoporose, o retardamento do envelhecimento, a melhora da memória, o fim da prisão de ventre e, claro, seu atrativo principal, o emagrecimento. Porém, neste último item, é importante ficar atento. Sozinha e sem bons hábitos, a ração humana não emagrece. Rica em fibras, ela prolonga a sensação de saciedade, apenas. Por isso, é fundamental incluir atividades físicas na sua rotina, além de ingerir frutas, saladas, alimentos integrais e beber bastante líquido.

PUBLICIDADE
Sem bons hábitos, ração humana não ajuda a emagrecer - Foto: Getty Images
Benefícios da ração humana

De acordo com a nutricionista Cláudia Torquato, a ração não chega a substituir uma refeição pois não possui todos os nutrientes necessários que devem ser consumidos para garantir energia e disposição durante um dia inteiro. "Ela é um complemento e não uma dieta tradicional em que as pessoas podem pular o café da manhã ou o almoço ou substituí-los pela mistura de grãos", diz a especialista.

Como incluir a ração na dieta
Para otimizar os resultados da dieta da ração humana e não correr o risco de ela se voltar contra você é aconselhável procurar um nutricionista antes de iniciá-la. Segundo Cláudia, o profissional tem o respaldo para indicar corretamente a quantidade adequada a ser consumida diariamente. "A análise da alimentação diária é extremamente importante. A ração, por si só, é calórica e pode provocar ganho de peso", alerta. Abusar do recurso pode resultar em prejuízo na balança. Três colheres (de sopa) da ração têm aproximadamente 110 calorias. Portanto, abusar do complemento é arriscado.

Embora alguns especialistas em nutrição deem carta branca para preparar o alimento em casa, não é recomendado optar por esta alternativa.

O motivo mais restritivo diz respeito ao armazenamento dos grãos. Quando transportados e guardados sem o devido cuidado, eles podem ser facilmente contaminados por fungos. Sem o manejo certo com os ingredientes, a vida útil da ração pode cair bastante também.

Alertas, restrições e cuidados
A ração pode se transformar em vilã se for consumida de forma errada. Por ter uma alta concentração de óleos vegetais, que são altamente calóricos e, dependendo da forma como você a consumir, ela pode engordar. Outro aspecto que merece cuidado é não exagerar no complemento junto com uma dieta rica em fibras. A combinação pode provocar diarreias, prejuízo à flora intestinal e à absorção de nutrientes. Além disso, sem o consumo adequado de líquido, a ingestão agrava a prisão de ventre.

Já os diabéticos devem ter mais atenção. Para eles, a receita tradicional não funciona e o açúcar mascavo e o pó de guaraná devem ser substituídos. Com alguns cuidados a dieta da ração humana não faz mal à saúde se for ingerida corretamente. No entanto, conversar com profissionais da área de nutrição ou com um médico de sua confiança traz resultados mais eficientes. E é isso que você quer.