Coach das famosas explica segredo para emagrecer

A atleta Gabriela Dezan dá dicas infalíveis de alimentação e como manter o foco na dieta

POR REDAÇÃO - PUBLICADO EM 06/06/2017

Sabe quando você vê na capa da revista ou na internet aquelas matérias que mostram uma famosa que emagreceu e logo em seguida vem aquela voz interna que diz assim: "Ela só conseguiu porque é famosa" Pois é.

PUBLICIDADE

Para ver se essa história é mesmo verdade, o Minha Vida conversou com a atleta profissional de fisiculturismo e educadora física Gabriela Dezan, que também é life coach e vem ajudando muitas celebridades a emagrecer, como as atrizes Fernanda Vasconcellos, Nívea Stelmann, Tânia Mara e atualmente também vem ajudando a cantora Simone, da dupla sertaneja Simone e Simaria a melhorar seus hábitos alimentares.

Segundo ela, o segredo do emagrecimento não tem nenhuma relação com a fama. "Para emagrecer, é necessário ter dedicação, fazer exercícios físicos, comer direito, eliminar farinha branca, fritura, açúcar, álcool e cigarro. Todas as pessoas são capazes de seguir esse plano e obterem bons resultados", ressalta.

Ok. Essa combinação de exercícios físicos e alimentação saudável a gente já conhece. Mas existe um diferencial que muitas vezes acaba sendo ignorado: seguir a dieta à risca e não cometer nenhum furo. De acordo com Gabriela, alimentar-se corretamente de segunda a sexta-feira e exagerar no fim de semana dificulta o emagrecimento. Ou então, abrir uma exceção e furar a dieta em um dia e compensar comendo menos em outro também faz com que os resultados demorem mais para aparecer.

É esse tipo de deslize que Gabriela ajuda seus clientes e não cometerem. Quem realiza orientação esportiva com ela e sua equipe ganha um protocolo de treinos e uma dieta personalizada para seguir durante 30 dias. Esses plano é elaborado por profissionais de diferentes áreas, entre eles, Daniel Dezan, especialista em esporte e nutrição, doutor em treinamento de alto rendimento e marido de Gabriela.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Para a criação da dieta e do protocolo de exercícios, são analisadas fotos e um questionário respondido pelo cliente. Além do plano personalizado, o programa inclui acompanhamento via whatsapp, avaliação de fotos recentes e ajustes regulares no protocolo de alimentação.

Grande parte da consultoria é feita de forma online e Gabriela faz questão de estar sempre presente na vida de seus assessorados. Atuando como uma ?general? dentro do programa, como ela mesma diz, a coach dá broncas, cobra resultados, orienta, motiva e dá feedbacks. Mas também não economiza elogios quando um de seus clientes alcança um resultado satisfatório.

Não é todo mundo que topa seguir a risca o método proposto por Gabriela e já houve pessoas que abandonaram o programa. "Poderia dizer que dos 200 clientes que atendemos mensalmente há dois anos, cerca de 5% desistiram. O restante consegue mudar radicalmente a cabeça e o físico", conta.

A disciplina que Gabriela estabelece com seus alunos é a mesma que ela segue em sua alimentação e que lhe possibilitou conquistar diferentes prêmios dentro do esporte. Atualmente ela acumula quatro títulos: Campeã Paranaense de Fisiculturismo 2014, Campeã Brasileira de Fisiculturismo 2014, Campeã Mundial de Fisiculturismo 2015, Campeã PanAmericana de Fisiculturismo 2016.

Entre os alimentos que ela consome para cuidar da saúde estão: frango, peixe, arroz integral, salada, legumes, frutas e muita água. A coach segue uma alimentação regrada. Além disso, a atleta também também realiza musculação, treino cardiovascular e treino HIIT.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Mas nem sempre a disciplina de Gabriela foi assim. "Eu passei muitos anos me enganando. Fazia dieta de segunda a sexta-feira e furava nos finais de semana. Me perguntava por que a barriga não secava? Por que o culote não saia? Achava que só lipo resolveria. Me perguntava o que as pessoas com barriga chapada tomavam para ter aquele abdômen", lembra.

Quando decidiu começar a competir, Gabriela passou a seguir uma dieta regrada e sem furos. Foi aí que os resultados começaram aparecer.

E a motivação: como é que fica?

Por mais o projeto de dieta esteja a todo vapor, têm dias que não dá. A motivação vai embora e a única solução que parece possível é comer justamente aquele alimento que está banido da dieta.

Quando esses momentos acontecem, Gabriela diz que é importante manter o foco:"Tem coisas que devem ser feitas pelo fato de serem certas e para o nosso próprio bem", enaltece.

Além disso, de acordo com ela, naquela fase em que a dieta fica meio enjoativa é a hora de usar a criatividade para preparar os pratos. As alternativas são muitas: variar o tempero, variar a forma de preparo, usar temperos diferentes como coentro, pimenta calabresa, manjericão, canela, pimenta do reino e gengibre são algumas das especiarias indicadas para tirar a dieta da monotonia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Fazer dieta não é fácil

Mais do que emagrecer, fazer uma dieta tem como objetivo mudar hábitos que, muitas vezes, foram repetidos por anos, às vezes até por uma vida inteira. Essa mudança de comportamento não é fácil, mesmo porque os alimentos que precisam ser evitados na dieta são justamente aqueles que são difíceis de resistir.

"As pessoas pensam que eu acostumei a parar de comer doces, que eu não gosto de pizza. Eu amo pizza e sorvete", conta. Mais do que ser uma pessoa disciplinada para manter o foco em uma vida saudável, Gabriela é uma profissional que acredita no potencial transformador que cada um carrega dentro de si. Por isso se empenha tanto em pegar no pé seus assessorados.

Para quem está afim de levar a sério a dieta e melhorar os hábitos alimentares, ela dá cinco dicas. Confira a seguir:

Comer de três em três horas

Gabriela conta que sempre recomenda aos seus assessorados que comam de três em três horas para que não sintam fome. "Se o aluno fica com fome, pode acabar comendo alimentos que não deveria e além do que deveria", alerta.

Beber água

Por aumentar a atividade no sistema nervoso, e assim elevar o nível de energia gasto, o hábito de beber água constantemente também promove a perda de peso.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Planejar a alimentação

Muitas vezes pode ser difícil para quem fica a maior parte do dia fora de casa manter-se na dieta. Sendo assim, o melhor a fazer para não furar é planejar sua alimentação para não ficar com fome, orienta Gabriela.

Tente ter em casa somente alimentos saudáveis

Para manter a alimentação saudável, é importante manter-se longe das "tentações". Isso porque em um momento de muita fome ou naqueles momentos em que dá vontade de comer besteira é mais fácil furar a dieta se houver comidas gordurosas e calóricas por perto.

Colocar prazo para não furar a dieta

Fica muito difícil manter a dieta se ela não tiver começo, meio e fim. Portanto, Gabriela orienta que é importante estabelecer prazos. Além disso, é importante criar metas que sejam possíveis, como por exemplo começar com duas semanas, depois um mês. Essa atitude também é uma forma de ultrapassar limites e sentir-se encorajado para seguir em frente com uma alimentação saudável.