Veja como adaptar a dieta do bebê ao verão

Não basta só aumentar os líquidos, é preciso evitar alguns alimentos

POR REDAÇÃO - ATUALIZADO EM 14/01/2011

No verão, o calor não dá trégua e seu bebê, mais sensível, sofre para se adaptar às temperaturas altas. Oferecer alimentação certa para ele é uma ótima maneira de garantir segurança e muita diversão, tanto para ele quanto para você.

Para te ajudar nessa tarefa, o Minha Vida conversou com a nutricionista Daniella Camargo, da clinica Luisa Catoira, que reforça: "Os bebês precisam de uma alimentação saudável o ano todo, mas durante o verão os cuidados devem aumentar se a criança já saiu da fase exclusiva de amamentação".

E não esqueça que não só os adultos que precisam caprichar na ingestão de líquidos, a criançada também precisa de um reforço durante o verão. "Sucos e chás gelados devem fazer parte dos lanches no lugar do refrigerante. As mães também precisam observar a urina da criança, que precisa ser clara. Caso contrário, é hora de aumentar a ingestão de água".

PUBLICIDADE
Bebê - Foto Getty Images
Bebê

Confira as dicas da nutricionista e mantenha o pequeno longe de perigos.

Passe longe
Os riscos estão por toda a parte e variam da desidratação até a intoxicação alimentar, mas basta manter alguns alimentos bem longe do filhote para garantir mais segurança.

"Os alimentos gordurosos ou fritos que podem prejudicar muito a digestão, bebidas com corantes, como os sucos em pó ou gelatinas, sal em excesso, como salgadinhos e derivados, e principalmente é preciso tomar cuidado com aqueles alimentos expostos à alta temperatura, como aqueles vendidos na praia". As chances de viver uma intoxicação diminuem com esses cuidados.

Bebê deitado - Foto Getty Images
Bebê deitado

Aposte
Para garantir ainda mais segurança, além de fugir de alguns alimentos, também é preciso consumir outros com mais freqüência.

"Outra dica para garantir saúde para os bebês é oferecer alimentos de fácil digestão como; verduras e legumes, frutas frescas, sucos naturais e água, optar por alimentos cozidos, assados ou grelhados, aproveitando todas as fibras, minerais e vitaminas que eles contêm".

Diminua o consumo de sal e tome cuidado com alimentos fora da geladeira para evitar as contaminações freqüentes desta época.

Confira o cardápio especial de verão para crianças de 6 a 12 meses, que a nutricionista Daniella Camargo preparou:

Desjejum:
Leite

Colação
Suco de frutas ou 1 fruta amassada (exceto abacate e frutas secas)

Almoço
Papinha de legumes e hortaliças, como cenoura, batata, mandioquinha, chuchu, couve, espinafre. Mais um pedaço de carne magra como peito de frango ou uma gema de ovo.

Lanche da tarde
Leite batido com frutas ou cereais (aveia)

Jantar
Papinha de legumes e hortaliças, como cenoura, batata, mandioquinha, chuchu, couve, espinafre. Mais um pedaço de carne magra como peito de frango ou gema de ovo.

Ceia
Leite

Só não esqueça de oferecer muita água para o pequeno durante o dia. Os chás também são uma ótima opção, exceto o chá preto e o mate, que deixam o bebê muito agitado por causa da cafeína.