Combata o tabagismo

Receita de sucesso para se livrar do cigarro

POR REDAÇÃO - PUBLICADO EM 24/04/2009

Parar de fumar é o maior investimento em saúde que um fumante pode fazer, atitude que pode lhe render cerca de dez anos a mais de vida. O fato é que grande parte deles quer largar o vício, mas poucos conseguem. Apoio psicológico e medicamentoso são as principais ferramentas que podem aumentar a chance de um indivíduo parar de fumar.

Alguns estudos chegaram a demonstrar que a combinação dessas ferramentas pode ser mais eficaz do que cada uma delas separadamente. Um estudo conduzido nos EUA e recém-publicado pela revista Annals of Internal Medicine confirma que realmente quando o negócio é parar de fumar, vale a pena apostar todas as fichas. Mais de 700 fumantes foram incluídos na pesquisa e aqueles que, além de medicamentos de distribuição gratuita, receberam também material educacional e suporte psicológico por telefone foram os que tiveram mais sucesso em parar de fumar. Após 2 anos de acompanhamento, a taxa de sucesso em largar o cigarro foi de 23% para aqueles que usaram apenas medicações comparado a 28% entre aqueles que receberam apoio psicológico intensivo.

Essas taxas de sucesso são bem superiores às taxas anuais de 5-7% habitualmente descritas. Uma possível explicação para esses resultados superiores é a distribuição gratuita dos medicamentos. Esses resultados devem servir de forte inspiração para programas governamentais anti-tabagistas.


Dr. Ricardo Teixeira é Doutor em Neurologia pela Unicamp. Atualmente, dirige o Instituto do Cérebro de Brasília (ICB) e dedica-se ao jornalismo científico. É também titular do Blog "ConsCiência no Dia-a-Dia" e consultor do Grupo Athena.

PUBLICIDADE