Dietas veganas ou vegetarianas podem aumentar o risco de AVC

Pessoas que consomem carne apresentaram uma redução de 20% nas chances de sofrerem um acidente vascular cerebral; entenda

POR REDAÇÃO - PUBLICADO EM 17/09/2019

Quando falamos de uma alimentação vegetariana ou vegana, imaginamos uma refeição saudável capaz de proteger o organismo de uma série de doenças, como as cardiovasculares por exemplo.

PUBLICIDADE

Por outro lado, um estudo publicado no BMJ analisou pessoas que comem carne, peixes e vegetarianos ou veganos ao longo de 18 anos e descobriu uma relação entre a dieta e o risco de acidente vascular cerebral (AVC).

Segundo o resultado, os consumidores de peixe e os adeptos da dieta vegetariana apresentaram taxas de 13 a 22% mais baixas de doenças cardíacas em comparação aos que consomem carne.

Além disso, o estudo também apontou que os vegetarianos tinham 20% mais chances de sofrerem um AVC do que aqueles que consumiam carne. O motivo apontado pelos autores é a taxa elevada de um quadro conhecido por derrame hemorrágico.

AVC hemorrágico: o que é

"O AVC hemorrágico é um tipo de AVC causado por uma ruptura de um vaso sanguíneo enfraquecido, causando derramamento de sangue no cérebro. As causas mais comuns incluem pressão alta não controlada, ruptura de um aneurisma cerebral ou ruptura de um vaso sanguíneo anormal no cérebro", explicou o neurointensivista do estudo, Ishwara Sankara.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Enquanto pesquisas anteriores associaram a alimentação vegetariana e vegana a um risco reduzido de doenças cardíacas coronárias em comparação à pessoas que consomem carne, pouco foi relatado sobre a diferença no risco de derrame.

"No entanto, a extensão total dos potenciais benefícios e riscos dessas dietas para a saúde não são bem conhecidas", disse a principal pesquisadora do estudo, Tammy Tong, ao Healthline.

Falta de vitaminas

De acordo com Sankara, o fato de que vegetarianos e veganos correrem maior risco de desenvolver deficiência de vitaminas B12 e D, pode ser o fator contribuinte para os maiores riscos de doenças neurológicas.

Se o corpo tiver uma deficiência de nutrientes, pode levar a um risco aumentado de vários problemas de saúde. "A deficiência de vitamina D também pode aumentar o risco de derrame", alertou Sankara.

Dieta vegetariana: o que comer?

Como lidar com a falta de vitamina B12 na dieta vegetariana
6 problemas da dieta vegetariana: veja como se livrar deles
Crianças vegetarianas: ela também podem ser; entenda

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)