Dez sinais de que a sua pele está sofrendo os efeitos do estresse

As suas emoções favorecem o surgimento de acne, alergias e infecções

POR LETÍCIA GONÇALVES - ATUALIZADO EM 08/09/2016

Quando o estresse faz parte da rotina, a pele é uma das mais afetadas. A tensão provoca alterações hormonais diversas no corpo e libera algumas substâncias na corrente sanguínea. Com isso, há uma queda na imunidade e o corpo fica mais vulnerável a infecções e outros problemas. "No rosto, por exemplo, é visível o surgimento de descamações, áreas avermelhadas e ressecadas, olheiras e pele sem brilho", conta o dermatologista Anderson Bertolini, diretor médico da Clínica Bertolini, em São Paulo. Peles oleosas também ficam com os poros mais dilatados e a derme mais grossa. Conheça outros problemas da pele estressada e veja dicas para amenizá-los, além - é claro - de combater o estresse.

Olheiras

As bolsas e manchas escuras embaixo dos olhos são decorrentes, principalmente, de noites mal dormidas. "Um bom corretivo ajuda a disfarçar, mas, se as olheiras forem permanentes, a solução é procurar um dermatologista para tratar da forma correta", conta o maquiador Marcelo Marques, de São Paulo. Ele lembra que a pele do resto é muito sensível - ainda mais nessa região - e pode ser manchada com facilidade. "Por isso, devemos tomar muito cuidado com receitas caseiras para não piorar a situação", alerta.

Segundo a dermatologista Cristina Graneiro, diretora médica da clínica La Liq, os cremes mais indicados para amenizar as olheiras são à base de ácido tioglicólico ou vitamina K. A vitamina C também ajuda, tanto como antioxidante, quanto como clareador. "É fundamental também usar filtro solar, pois o acúmulo de melanina pode piorar a aparência da olheira", conta a profissional.