Rinoplastia: cirurgia pode causar uma mudança da voz?

Entenda se a cirurgia plástica pode interferir mesmo no som da voz e por quê

ARTIGO DE ESPECIALISTA - ATUALIZADO EM 27/10/2016

Dr. Alan Landecker
Cirurgia Plástica - CRM 87043/SP
especialista minha vida

Um estudo publicado em fevereiro de 2014 na revista científica Plastic and Reconstrutive Surgery mostrou que a rinoplastia pode trazer algumas alterações na voz. Mas será que isso realmente acontece?

PUBLICIDADE

Na rinoplastia moderna o objetivo deve ser sempre melhorar a estética e otimizar as vias aéreas ao mesmo tempo, de maneira conjunta. Isso porque a grande maioria das pessoas não sabe, mas possui algum grau de desvio de septo, mesmo que pequeno. Segundo dados da Academia Brasileira de Rinologia, pelo menos 20% dos brasileiros possui o distúrbio, o que dificulta a passagem de ar e ocasiona diversos problemas para a saúde.

Quando desobstruímos as vias aéreas através da rinoplastia, seja pela correção do septo ou pela correção da hipertrofia de cornetos (a popular carne esponjosa), isso melhora a respiração e consequentemente altera sim a voz.

Porque a mudança ocorre?

Essa mudança ocorre pelo fato de que quando melhoramos a passagem de ar pelo nariz, alteramos os diâmetros das cavidades e consequentemente a ressonância da voz, isso muda o timbre. Mas essa alteração é positiva, pois o que se percebe é uma voz menos anasalada.

É importante ressaltar também que essa mudança não é percebida logo após a cirurgia, só é possível notar algum tipo de alteração na voz com o passar do tempo. Pois só com a diminuição do inchaço que será notada a mudança positiva da voz.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Claro que não é possível prevermos se a mudança da voz irá ocorrer em todos os pacientes que realizarem a rinoplastia, até porque isso irá depender do grau apresentado de desvio de septo ou de carne esponjosa. Porém, na maioria dos casos ocorre sim alguma alteração de timbre nesse sentido, mesmo que pequena, e a mudança é definitiva.