Dá para chegar ao verão sem celulite?

Aproveite e esclareça as suas principais dúvidas

ARTIGO DE ESPECIALISTA - PUBLICADO EM 31/10/2008

Dr. Ademir Carvalho Leite Junior
Dermatologia - CRM 92693/SP

Com a chegada do verão muitas mulheres correm atrás de soluções para deixar seus corpos mais bonitos. A celulite, uma das maiores vilãs do sexo feminino, se torna um dos principais alvos de ataque à medida que a possibilidade de usar aquele biquíni novo fica cada vez mais próxima.

Mas será que dá tempo de chegar ao verão sem celulite?

A celulite acomete cerca de 96% das mulheres. É uma manifestação que se apresenta como mudanças no relevo da pele de determinadas áreas do corpo feminino, principalmente pernas e bumbum, que causa dano importante na auto-estima.

A celulite é caracterizada por furinhos na pele que se torna desidratada e com circulação insuficiente. Diversas são as causas da celulite como:
Excesso de Peso
Sedentarismo
Fumo
Roupas Apertadas
Alimentação inadequada (rica em sal, excesso de gordura e carboidratos, pobre em fibras)
Má qualidade de Sono
Estresse
Medicamentos (ACO, corticosteróides) Problemas vasculares
Postura inadequada

Tratar a celulite passa por cuidados preventivos que incluem eliminar as causas acima citadas estimulando bons hábitos nas pacientes que sofrem com este problema.

Outra questão importante é definir estratégias de tratamento que promovam melhora nos tecidos da pele envolvidos com a celulite, principalmente a derme (onde encontramos grande teor de fibras colágenas), e a hipoderme (onde se localiza a gordura cutânea). +

Suplementos ricos em antioxidantes ajudam muito na melhora do metabolismo destes tecidos à medida que reduzem a formação de radicais livres que se encontram elevados nas áreas de celulite.

Cremes ajudam principalmente a melhorar o aspecto visual da superfície da pele promovendo melhor hidratação e melhora da circulação superficial. Massagens e drenagem linfática ajudam a reduzir o excesso de líquidos que participa dos processos iniciais de aparecimento da celulite.

Aparelhos que envolvem a emissão de ondas de ultrasom são importantes na redução dos estoques de gordura da celulite, ajudam na circulação sanguínea e colaboram com a redução dos furinhos presentes nas áreas com o problema.

Há procedimentos que envolvem a infusão de medicamentos nas áreas tratadas (intradermoterapia).

Estes medicamentos são infundidos com agulhas muito finas nas áreas tratadas e buscam melhorar o metabolismo local, quebrar a gordura armazenada e reduzir a profundidade dos furinhos.

Outras possibilidades terapêuticas envolvem procedimentos como a eletrolipoforese e ionizações realizadas por fisioterapeutas.

Casos mais severos melhoram com procedimentos cirúrgicos como a subcisão, microcirurgia que reduz a profundidade dos furinhos da celulite, e a lipoaspiração.

Quem começar logo poderá chegar ao verão com a pele lisinha e sem celulite. Quem esperar muito tempo só ficará livre delas no verão do ano que vem.

Dr Ademir Jr. é médico dermatologista especialista em tricologia (medicina capilar) pela Internacional Association of Trichologists. Membro da Sociedade Brasileira de Laser em Medicina e Cirurgia, da Sociedade Brasileira de Termalismo, e da Sociedade Brasileira de Medicina Estética.

Para saber mais, acesse: www.ademirjr.com.br

PUBLICIDADE