Dá para relaxar diante de momentos decisivos?

Quem não consegue ficar focado diante de um momento decisivo perde visão, não consegue analisar o todo

ARTIGO DE ESPECIALISTA - PUBLICADO EM 06/04/2018

Adriana de Araújo
Psicologia - CRP 56802/SP
especialista minha vida

Você já se pegou, provavelmente, preocupado com uma decisão que precisava tomar. Ao analisar as escolhas, as opções e possibilidades talvez você tenha encontrado rapidamente a chave certa. Porém, a maioria das pessoas se perdem nesse momento de decisão.

PUBLICIDADE

Por exemplo, o que dizer numa entrevista de emprego. Devemos ser frios ou demonstrar emoção? E até que ponto um ou outro? Quando precisamos seguir projetos de vida, escolhas pessoais quais critérios devemos usar? Será que o famoso ?escute seu coração? é mesmo um conselho bom?

A grande angústia da tomada de decisão relatada por quem sofre é conseguir autocontrole, manter a calma e a lucidez diante dos momentos decisivos. Muitas pessoas, nesse momento, se perdem, bloqueiam e não conseguem agir. Algumas pelo medo e outras pela insegurança da ação.

Pensando nos nossos aprendizados, aquilo que escutamos e aprendemos desde a infância, é que os pais ou responsáveis constumam incentivar o "fique calmo(a)". Mas são raros aqueles que sabem ensinar o COMO é que se faz para ficar calma, no controle da situação.

E assim, a maioria das pessoas cresce, amadurece em outros pontos, mas mantém a dúvida de sempre: "eu sei que devo ficar calmo, mas como eu faço isso?" E com o passar do tempo, as ações de insegurança, medo e fracasso no autocontrole tomam conta da situação.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Quem não consegue ficar focado, seguro e calmo diante de um momento decisivo perde visão, não consegue analisar o todo. A resposta é impulsiva. Pessoas assim, reagem e não agem com clareza e estratégias. A perda é grande quando se olha para os resultados futuros.

A notícia boa é que é possível treinar o nosso emocional para manter a calma diante destes momentos. E aqui vão algumas dicas do tão esperado como:

  • pense nas alternativas de ação
  • planeje suas ideias antes
  • aprenda tipos de respiração de relaxamento
  • treine sua mente com visualizações de foco e bem estar
  • anote suas ideias e organize-se por escrito
  • se possivel, converse com alguém neutro sobre o tema
  • observe como as outras pessoas são capazes de lidar com a paciência e disciplina.

Importante lembrar que além dessas dicas, o processo psicoterapêutico também é muito válido e precioso. Durante as sessões o profissional qualificado vai mapear as esferas da vida para entender a dimensão da questão.

Existem trabalhos de mudança de perspectiva, de crenças negativas, cura de momentos negativos que podem ser bem complementares ao processo. Técnicas de terapia breve, novo código da pnl, emdr, hipnose ericksoniana, coaching de vida são úteis nesse caminhar.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)