Puberdade masculina: entenda quais são as principais mudanças no corpo dos meninos

Mudança de voz e aumento da acne podem causar problemas de autoestima nos adolescentes

ARTIGO DE ESPECIALISTA - ATUALIZADO EM 07/03/2016

Dra. Andrea Hercowitz
Pediatria - CRM 83275/SP
especialista minha vida

Entende-se por puberdade as mudanças físicas e biológicas que acontecem no período da adolescência. A puberdade masculina é tão intensa quanto a feminina, mas seu início é menos marcante. O primeiro sinal da entrada na puberdade apresentado pelos meninos é o aumento do volume testicular, que adquire uma medida maior do que quatro centímetros cúbicos e a bolsa escrotal fica com a pele mais fina e às vezes com uma coloração mais avermelhada. Cá entre nós, qual é o homem que lembra deste momento? E qual é a mãe ou o pai que conseguem acompanhar isso no seu filho? Pois é. Mas este é o início de todas as mudanças que acontecerão no corpo do menino, considerando-se normal que ocorra entre os nove e os 14 anos de idade.

PUBLICIDADE

A partir daí acontece uma cascata de eventos a intervalos mais ou menos padronizados. Cerca de seis a 12 meses após o início do aumento do volume testicular começam a aparecer os pelos pubianos, lisos e fininhos na base do pênis. Aos poucos eles vão aumentando em quantidade e distribuição, ao mesmo tempo em que ficam mais grossos e enrolados. Mudam também as características dos pelos no resto do corpo, como braços e pernas. Os pelos axilares e faciais surgem cerca de dois anos após os pubianos.

Com relação ao genital, o pênis costuma crescer primeiro em comprimento e depois em diâmetro, terminando com o desenvolvimento da glande, adquirindo as características do pênis do adulto. O fato de a puberdade poder iniciar a qualquer momento entre os nove e os 14 anos faz com que garotos da mesma idade possam ter corpos completamente diferentes, o que gera, frequentemente, angústia naqueles que ainda apresentam corpos infantis, principalmente no que diz respeito ao tamanho do pênis.

Nestes anos da adolescência o corpo masculino se torna mais forte, com ganho de massa muscular, principalmente em regiões de braços, pernas e tórax.

Todos os órgãos internos se desenvolvem e apresentam um aumento de capacidade física, notadamente cardiovascular e pulmonar. O crescimento da laringe é que provoca a tão temida variação de voz. Desafinar é comum e também passageiro, com duração média de seis meses, mas nem por isso isenta de brincadeiras por parte de amigos e familiares.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Outra situação que leva à angústia e gozações, que não acontece com todos os adolescentes, mas com mais da metade deles, é o aumento do tecido mamário. Conhecido como ginecomastia puberal, tende a regredir espontaneamente em até 2 anos.

Em decorrência do aumento de oleosidade da pele e dependendo da herança familiar, a acne pode aparecer em maior ou menor intensidade, merecendo tratamento individualizado. Mesmo sabendo que é só por uma fase, a acne tem um impacto negativo importante na autoimagem dos jovens.

Mas e o crescimento? O estirão do crescimento masculino é mais tardio do que o feminino, mas é mais intenso. Inicia-se pelas extremidades, pés e mãos, depois braços e pernas e finalmente o tronco. A velocidade de crescimento se acentua na metade da puberdade, atingindo um ganho de até 20 a 24 centímetros em dois anos. O gasto energético para isso é tão grande que com muita frequência os jovens parecem magros demais. E desengonçados. Sem saber exatamente as proporções do seu corpo é comum que trombem entre si e com objetos. Nesta fase é preciso atenção especial para a coluna, que pode apresentar desvios causados pela velocidade e intensidade do crescimento.

A primeira ejaculação ocorre quando os jovens já estão com o corpo bastante modificado, em pleno pico de crescimento. Na maioria das vezes acontece durante o sono, a chamada polução noturna e, assim como o início da puberdade, também não é muito marcante para os homens - pergunte a um irmão, amigo ou marido com que idade ejaculou pela primeira vez. Provavelmente a resposta será: "não sei".

A puberdade masculina exige tantos cuidados quanto a feminina. As dúvidas, inseguranças, angústias podem aparecer a qualquer momento. Com o conhecimento das suas características normais, os pais podem apoiar e tranquilizar seus filhos, ajudando-os a manterem seus corpos saudáveis e sua autoestima elevada.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)