Complicações durante o parto e na gravidez podem causar ansiedade em crianças

Pesquisa aponta como fatores situações que vão desde estresse da mãe na gestação até baixo peso do bebê

POR REDAÇÃO - PUBLICADO EM 21/03/2019

Um estudo realizado pela Universidade de Maryland indica que complicações antes e durante o parto podem afetar a saúde mental das crianças no futuro. De acordo com o estudo, bebês que passaram por situações de estresse durante o parto podem desenvolver transtorno de ansiedade ao longo dos próximos anos.

PUBLICIDADE

O motivo, segundo os pesquisadores seria o fato de que a exposição ao estresse pré-natal poderia aumentar o medo infantil, devido a uma modificação epigenética do gene receptor de glicocorticóide. Como se a criança já nascesse com uma predisposição maior ao medo e insegurança.

Além disso, o estudo aponta também que problemas como baixo peso ao nascer, traumas físicos, problemas durante ou parto podem ser fatores significativos para desencadear transtorno de ansiedade ao longo da vida.

O estudo contou com a participação de cerca de 149 crianças entre 9 e 12 anos. Tanto elas como seus pais foram entrevistados e responderam perguntas relacionadas a como seria seu comportamento em diferentes tipos de situações. O objetivo dessa dinâmica era saber se a criança manifestaria uma tendência a ansiedade em situações e contextos desconhecidos.

Com isso, os pesquisadores descobriram que as famílias que apresentaram complicações durante a gravidez e no momento do parto tinham filhos que manifestavam transtorno de ansiedade.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Os pesquisadores afirmam que ainda são necessários novos estudos capazes de estabelecer uma relação de causa-efeito entre as complicações na gravidez e parto e os transtornos de ansiedade. Com esse entendimento, eles esperam descobrir formas de intervir ainda na primeira infância, reduzindo assim as chances de as crianças desenvolverem transtorno de ansiedade ao longo da vida.