Oito cuidados para treinar na academia do prédio com segurança

Exame médico e pesquisa sobre os exercícios são alguns dos pré-requisitos

POR MANUELA PAGAN - ATUALIZADO EM 29/03/2017

Trânsito, chuva, frio, cansaço ou falta de tempo. Independente de qual seja a sua desculpa favorita para dar cano no treino, as academias dos prédios e condomínios chegaram para exterminar todas elas. Segundo o educador físico Rafael Lago, existem muitas comodidades em fazer o exercício físico tão pertinho de casa, já que, principalmente nas cidades grandes, o trânsito se tornou um problema muito grande. No entanto, o treinamento realizado sem supervisão profissional precisa de cuidado redobrado. "Além do risco de lesão, podem acontecer erros ao definir a frequência e a intensidade do treino", explica. Para otimizar os resultados da sua malhação em casa, o Minha Vida elencou oito medidas que você deve tomar antes de chamar o elevador. Confira a seguir.

Roupas e tênis certos

A escolha da roupa certa para malhar é quase tão importante quanto o exercício em si. Um dos principais erros é acreditar que quanto mais quente for a roupa, maior a sudorese e mais veloz o emagrecimento. No entanto, essa atitude só vai aumentar a temperatura corporal e até desidratar. Rafael Lago conta que a melhor escolha são as roupas próprias para a atividade física. Em geral, elas são confortáveis, não limitam os movimentos e permitem a troca de temperatura do corpo com o ambiente. O tênis também merece atenção: "você não precisa de um para fazer esteira e outro para a musculação, basta que o calçado seja confortável, tenha qualidade e amortecimento", explica.