São Silvestre: como evitar lesão em corrida de longa distância

Fisioterapeuta dá dicas para prevenir lesões em provas longas; fortalecimento e postura correta são algumas

ARTIGO DE ESPECIALISTA - PUBLICADO EM 24/12/2019

Bernardo Sampaio
Fisioterapia - CREFITO 3:125.811F/SP
especialista minha vida
Corridas longas exigem preparo prévio - Créditos: Pavel1964/Shutterstock
Corridas longas exigem preparo prévio - Créditos: Pavel1964/Shutterstock

Muito benéfica para a saúde, a corrida cada vez mais ganha novos adeptos. Sua execução é simples e perigosa, ao mesmo tempo. Isso porque o ato de correr envolve uma série de fatores que, se não forem seguidos e praticados de maneira correta, podem ocasionar lesões. Se o corredor estiver despreparado e sem o acompanhamento de um profissional, por exemplo, ele poderá aumentar o volume da carga e a intensidade dos treinos de maneira equivocada.

PUBLICIDADE

Além disso, não preparar o corpo com treino de força e flexibilidade também é um erro comum em corredores iniciantes. Essas lesões podem ser mais graves ainda se o corredor resolver se aventurar em provas de longa distância, aquelas na qual exigem muito de nossa capacidade física e mental. Desta maneira, eu separei algumas dicas que podem te ajudar a completar a corrida com resultados mais satisfatórios e o melhor, preservando o seu bem-estar.

Dicas para provas longas de corrida

1. Avaliação física

Antes de iniciar qualquer atividade física, é necessário avaliar como está a saúde do seu corpo. Para isso, fazer exames torna-se essencial, pois eles poderão detectar possíveis problemas para que no futuro as lesões possam ser evitadas. Por isso, fazer avaliações como a de pisada é muito importante para a saúde do corredor, afinal o ato de correr causa impactos diretamente nas partes inferiores do corpo.

2. Exercícios de fortalecimento

O nosso corpo precisa estar devidamente preparado antes de iniciar atividades físicas como a corrida. Afinal, não adianta sair por aí correndo como se não houvesse amanhã, pois o seu corpo necessita de um preparo muscular e articulado. Por isso, fazer exercícios de fortalecimento, de força e flexibilidade são imprescindíveis. Treinos intensos e curtos, melhoram a força máxima, permitindo ter um ritmo mais constante na prova.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

3. Postura correta

Pode até parecer que não, mas a má postura é a inimiga número um de qualquer corredor. Conheça o seu corpo, avalie a posição dos seus ombros, joelhos e pés durante a corrida. Faça isso com um profissional especializado. A avaliação cinemática é muito indicada, pois ela detecta os movimentos da corrida de forma detalhada, apontando possíveis lesões referentes à postura e a intensidade através de uma tecnologia em 2D. Dessa maneira, são feitos os ajustes da marcha e da corrida.

4. Organize seus treinos

É extremamente necessário fazer a progressão correta do seu treino, de preferência com o auxílio do seu treinador. Crie uma planilha direcionada a sua capacidade física e determine pontos específicos para a prova em questão e treine proporcionalmente com volume e intensidade certa.

5. Descanso

Descanse. Você não precisa levar o corpo à exaustão toda vez que for correr, por isso pegue leve e invista em treinos ocasionais para relaxar o corpo e se livrar do estresse Antes da corrida, tenha uma boa noite de sono, afinal dormir bem é fundamental para a recuperação metabólica e muscular. Sem descanso o corpo não recupera, cansaço é cumulativo e o risco de lesões e overtraining crescem.

6. Auxílio profissional

Se vai correr por hobbie ou com o intuito de competir, não importa. Foque no seu condicionamento físico, na alimentação e tenha por perto profissionais especializados que o ajudarão a se manter ativo e longe de lesões. O fisioterapeuta te ajudará a preparar a sua musculatura e ajustar pontos que o ajudarão a evoluir nos treinos.

Preparação para corridas longas

Como se preparar para correr de 10 a 15 quilômetros

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Trabalhe a resistência muscular localizada

Musculação melhora a performance na corrida