Assuma seu peso e corra para a academia

Dê fim à vergonha de frequentar o ambiente dos musculosos

POR REDAÇÃO - PUBLICADO EM 24/07/2009

Quando o aumento de peso começa a fugir do controle, a opção que oferece um resultado satisfatório (e sem entrar na faca!) é partir para a academia. Só que o local, reduto de corpos definidos, causa um certo desconforto para quem está acima do peso muito e para o grupo de obesos, cujo sobrepeso chega a ser até um fator limitador da pratica de algumas atividades.

A vergonha resolve dar as caras e é aí que bate o desânimo e a comodidade aparece como caminho mais fácil para evitar constrangimentos. Como explica a personal trainer do MinhaVida, Valéria Alvim, a pessoa gordinha deve ter em mente que ela está na academia com o objetivo de emagrecer e ter uma vida mais saudável. "Primeiro, a massa muscular irá aumentar para, depois, a gordura ser queimada", completa a personal trainer. A seguir, ela separou algumas dicas para fazer da academia um lugar onde você se sinta bem.

Use roupas mais largas
Academia costuma ser sinônimo de pessoas com corpos esculturais e, por esse motivo, as roupas marcam mais as formas do corpo. Para não fazer feio na academia, deixe de lado a possibilidade da combinação top e calça legging e aposte em um visual mais despojado, como camiseta e uma calça mais larguinha e confortável, de malha ou moletom, por exemplo.

Prefira horários em que a academia está mais vazia
Se a idéia é não se sentir oprimido pela turma dos sarados, evite escolher períodos como a hora do almoço ou a noite para treinar, pois esses são os horários em que as academias estão cheias. Opte, por exemplo, pelo período da tarde, onde o local está mais vazio e você se sentirá mais à vontade.

Escolha exercícios que não exijam demais de você
Há uma gama de exercícios que exigem força do corpo e, muitas vezes, os gordinhos não possuem essa força. Para não ficar cansado antes da hora, opte por exercícios tranquilos (mas que apresentam resultados!), como é o caso dos aeróbicos (caminhada leve e bicicleta), que vão aumentar o condicionamento físico. Nos três primeiros meses, a ênfase ficará por conta dos exercícios aeróbicos e alongamentos diversos para que, após a evolução, serem inseridos exercícios com peso. "Antes de optar por qualquer exercício, a avaliação física deve ser feita para que seja determinada a condição da pessoa e os exercícios que ela poderá fazer", completa Valéria Alvim.

Busque academias que te agradem
O ambiente precisa passar a sensação de que você é uma pessoa bem vinda ali. A dica é optar por um local em que os frequentadores sejam amistosos e te apóiem durante os treinos. Não desanime por não ter o corpo dos sonhos, ou o do cara da esteira ao lado, mas pense que você está buscando seu objetivo e, como firmeza, também vai chegar lá.

Faça do personal trainer seu melhor amigo
Ele irá incentivar um treino equilibrado e que se adapte às condições de seu corpo para alcançar os resultados esperados.

Estabeleça metas que você pode cumprir
Não adianta acreditar que 15 quilos irão desaparecer dentro de um mês, como num passe de mágica. É preciso estabelecer uma meta realista para que o resultado apareça. Objetivos extremamente altos são mais difíceis de alcançar, portanto, se você não chega logo no ponto que idealizou vai acabar frustrado e desmotivado para seguir com o treino. Da mesma forma que metas muito baixas irão questionar o quão efetivos estão sendo os exercícios.

PUBLICIDADE