Como evitar 8 problemas de pele que mais aparecem no verão

Veja como aproveitar a época mais quente do ano sem maltratar a pele e evite os problemas que mais aparecem nessa estação

POR TATIANE GONSALES - PUBLICADO EM 02/12/2019

Calor, praia, piscina e sol. Muita gente aproveita a estação mais quente do ano para pegar um bronzeado e garantir aquela dose de vitamina D. Porém, a exposição excessiva aos raios solares pode causar diversas doenças de pele comuns no verão.

PUBLICIDADE

Apesar de alguns problemas serem mais simples, como a pele seca, que pode ser resolvida com o uso de hidratantes, há também condições graves, a exemplo do câncer de pele. Portanto, conheça 8 problemas de pele que costumam aparecer no verão e veja como evitá-los.

1. Queimaduras de sol

Causas


A queimadura de sol é o dano causado à pele devido aos raios ultravioletas (UV), que costuma acontecer quando a pessoa se expõe excessivamente à luz solar ou artificial (câmaras de bronzeamento).

Sintomas

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Geralmente, as queimaduras solares resultam em vermelhidão e formação de bolhas na pele. Em casos mais sérios (insolação), elas podem causar febre, calafrios, dor de cabeça e dificuldade de locomoção devido à forte ardência.

Como evitar

Use e abuse do protetor solar com, no mínimo, FPS 30 (fator de proteção solar). Não esqueça de reaplicar a cada duas horas e, principalmente, em casos de suor excessivo ou após contato com a água.

Protetor solar é um principal aliado a uma pele bem cuidada durante o verão - Foto: Shutterstock
Protetor solar é um principal aliado a uma pele bem cuidada durante o verão

E nada de deixar para passar o produto só quando estiver na praia ou na piscina. A primeira aplicação deve ser feita antes da primeira exposição ao sol. Se possível, evite tomar sol entre às 10h e 16h - período em que os raios ultravioletas estão mais intensos.

Além disso, aumente sua proteção contra o sol usando boné e camiseta ao fazer caminhadas ou trilhas e prefira um guarda-sol de lona ao curtir a praia ou piscina.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

2. Pele seca

Causas

A pele seca durante o verão é resultado de muitos fatores, entre eles o ar quente e úmido, a água da piscina, a água do mar, a exposição ao sol e a exposição ao ar-condicionado por muitas horas.

Sintomas

Normalmente, a pele fica com um aspecto mais ressecado, além de áspera, irritada, descamando e até com coceira e/ou lesões doloridas.

Como evitar

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Hidrate bem a pele. Para isso, o recomendado é sempre utilizar hidratantes após o banho. Outra dica é tomar banho com água morna ou fria. Afinal, a água quente é um dos principais fatores para o ressecamento.

Passar hidratante é essencial para evitar a pele seca - Foto: Shutterstock
Passar hidratante é essencial para evitar a pele seca

Evite também o excesso de maquiagem e remova-a bem com demaquilante. Lave o rosto com água fria e sabonete específico para a região (dê preferência aos sabonetes líquidos).

3. Manchas

Causas

Uma das doenças de pele mais frequentes no verão é o melasma, mancha escura que costuma aparecer principalmente no rosto e muitas vezes é causada pela exposição inadequada ao sol.

Sintomas

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Os principais sintomas do melasma são manchas de cor marrom, planas e lisas. Costumam ter tamanho maior do que o de pintas e a coloração pode ficar mais forte conforme o tempo prolongado no sol.

Como evitar

É indispensável o uso de filtro solar para evitar o melasma. Espalhe bem o produto no rosto e braços, que são as áreas que costumam ficar mais expostas ao sol no verão.

Caso o surgimento de manchas esteja te incomodando de alguma forma, procure um médico. Somente um especialista, como dermatologistas, poderá recomendar o melhor tratamento e verificar se as manchas podem ser malignas (câncer).

4. Espinhas e cravos

Causas

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Pegou sol e apareceram cravos e espinhas no rosto, pescoço, ombro, peito ou costas? Pois saiba que essas erupções na pele são consequências da acne solar. Este tipo de acne costuma aparecer alguns dias após a exposição intensa aos raios solares.

Sintomas

O primeiro sintoma da acne solar é a pele seca. Depois, acontece o chamado "efeito rebote", deixando a pele oleosa, repleta de espinhas, devido à produção exacerbada de sebo na pele.

Como evitar

Há quem fique com receio de usar filtro solar para não deixar a pele ainda mais oleosa. Por isso, a solução para evitar a acne solar é utilizar filtro solar oil free. Este tipo de protetor não contém óleos na composição e serve para todos os tipos de pele.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Após contato com a água com cloro (piscina) ou água salgada (mar), tome uma ducha de água doce e passe hidratante para evitar o ressecamento e aumento da produção de sebo.

5. Micose

Causas

A micose é um dos problemas de pele mais comuns durante o verão. Isso acontece devido ao aumento do suor corporal e da exposição a ambientes úmidos, como praias, clubes e piscinas. A umidade no corpo é o ambiente perfeito para que os fungos que causam a micose se proliferem.

Sintomas

Os principais sintomas de micose são manchas brancas ou vermelhas com coceira, principalmente em regiões de dobra do corpo (como axila, virilha, entre dedos das mãos e pés). A doença pode acometer qualquer local e, por vezes, causar dor e fissura.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Como evitar

Seque bem áreas de dobras e pés para combater a micose - Foto: Shutterstock
Seque bem áreas de dobras e pés para combater a micose

Seque bem o corpo, principalmente entre os dedos e a virilha. Para quem sua muito, a dica é secar as áreas de suor com uma toalha e usar talco nos pés. Na praia, ao redor da piscina ou em vestiários de academia e clubes, evite andar descalço.

6. Alergia ao sol

Causas

A alergia ao sol é uma reação do sistema imunológico aos raios solares, levando à inflamação dos locais mais expostos - como rosto, braços, mãos e pescoço.

Sintomas

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Os sintomas são similares a de outros problemas de pele: vermelhidão, coceira e bolinhas brancas ou avermelhadas na pele. Por isso, é importante procurar um médico ao identificar qualquer sinal, para diagnóstico e tratamento corretos.

Como evitar

Use protetor solar e procure cobrir a pele. Remédios podem ser indicados por dermatologistas para amenizar e tratar os sintomas.

7. Bolhas de suor (erupção de calor)

Causas

A erupção de calor é caracterizada pelas chamadas "bolhas de suor", que surgem quando as glândulas sudoríparas da pele são bloqueadas e, então, o suor não evapora, causando inflamação.

Sintomas

Os principais sintomas da erupção de calor são inchaços com vermelhidão e coceira.

Como evitar

Use roupas largas, leves e confortáveis em dias quentes. Procure sempre se refrescar. Além disso, ventilador e ar-condicionado são ótimos aliados de quem sofre da doença.

8. Foliculite

Causas

A foliculite é a infecção dos folículos, que são as aberturas que permitem o crescimento dos pêlos do corpo. Normalmente, a doença é causada por lesões gerais na pele, mas também está associada à transpiração excessiva, dermatite e acne.

Sintomas

Folículos infectados lembram espinhas, porém costumam coçar e trazer sensibilidade à região afetada.

Como evitar

Esfolie a pele antes da depilação e utilize roupas leves e largas em dias quentes. Evite espaços com muito cloro, como piscinas e banheiras de hidromassagem.

Cuidados com o corpo no verão

Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.