Vontade de fazer xixi depois do sexo é normal? Entenda esse fenômeno comum em homens e mulheres

Hábito comum tem explicação e pode prevenir infecções urinária

POR AMANDA CRUZ - PUBLICADO EM 17/11/2016

Você sente uma vontade muito forte de urinar depois do sexo? Saiba que, mesmo sem saber, esse ato pode estar fazendo bem para o seu corpo e para a sua saúde. A vontade repentina surge a partir do "atrito gerado pela relação sexual, que acaba pressionando bexiga e uretra", diz o ginecologista Élvio Floresti Junior.

PUBLICIDADE

Porém, apesar de ter um efeito parecido entre mulheres e homens, a micção pós-sexo traz mais benefícios entre elas, ajudando a prevenir um problema muito comum e bem desagradável, que é a infecção urinária. Entenda:

Efeitos nas mulheres

O ato de urinar após a relação sexual diminui as chances de ocorrência de infecção urinária e cistite. "O jato urinário proporciona uma limpeza mecânica da uretra e bexiga, favorecendo a eliminação de possíveis bactérias que poderiam entrar no canal uretral após a relação sexual", afirma Élvio.

Porém, a vontade de fazer xixi depois do sexo vai depender da quantidade de urina na bexiga, então, nem sempre você sentirá que precisa correr para o banheiro. "Isso também é variável de mulher para mulher, pois dependerá do tamanho da vagina e até mesmo o tipo e a intensidade da relação sexual, assim como o tamanho e a espessura do pênis do parceiro", destaca o ginecologista.

Se você não sente esse impulso, nada de se desesperar, muitas mulheres também passam ilesas a esse fenômeno. O fato de não urinar após a relação também não traz malefícios. "O problema é que esse pode ser um fator a mais para evitar a instalação da cistite, principalmente nas mulheres que apresentam cistites de repetição, as quais é fundamental esse procedimento", ressalta o médico.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Efeito nos homens

Neles, a vontade pode surgir por causa de "sinais neurológicos desencadeados pelo orgasmo, estimulando a micção", conta o urologista José Henrique, do Hospital Santa Luzia, em Brasília. Entretanto, o ato não traz tantos benefícios quanto para as mulheres. "Por características anatômicas do trato urinário e genital feminino, esta parcela da população é muito mais propensa a infecções de urina", lembra ele. Logo, as vantagens são bem maiores para elas.

Porém, os homens que não urinam logo após o sexo e sofrem com histórico de infecções urinárias e uretrite "podem ter mais chances de sofrerem novamente com esses episódios", destaca o especialista. Se você não se enquadra nesses casos e também não sente vontade de fazer xixi após as relações sexuais, não há com o que se preocupar: "Alguns indivíduos têm essa vontade e outros não. A falta não representa um problema", diz o urologista.

Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.