Saúde da mulher: 6 cuidados que a mantêm longe de doenças

Além de exames ginecológicos, outros hábitos e cuidados básicos impactam positivamente a saúde feminina

POR INFORME PUBLICITÁRIO - PUBLICADO EM 19/03/2019

Qual foi a última vez que você tirou um tempo para se dedicar àquilo que realmente gosta e precisa? Com a rotina cada vez mais agitada e atarefada, acabamos deixando de lado, muitas vezes, cuidados básicos que refletem diretamente na saúde, desde um simples exame de rotina até uma boa noite de sono.

PUBLICIDADE

Colocar-se de lado dessa forma, abandonando hábitos que garantem mais saúde para o organismo, como um todo, pode trazer uma série de consequências no longo prazo. Estresse, doenças cardiovasculares e até infecções na região íntima são alguns exemplos.

Então, que tal dar o primeiro passo para a mudança descobrindo quais cuidados garantem uma saúde mais plena? Veja a lista abaixo com seis atitudes básicas que ajudam a manter a sua vitalidade:

Conheça seu corpo

Conectar-se ao próprio corpo te auxilia a reconhecer sinais que o organismo dá quando algo não vai bem. Mas como fazer isso? Observe-se diariamente, veja se há uma pinta nova na pele, inchaço, ponto de dor ou qualquer outra mudança. Ao reconhecer sintomas você está colaborando para o diagnóstico precoce de doenças, o que, de acordo com o Ministério da Saúde, aumenta as chances de cura.

Sem tabu e sem vergonha, realize o exame de toque nas mamas e observe a região íntima, mantendo também uma rotina de limpeza adequada, que garante que a flora esteja mais resistente e previne infecções. Para te ajudar nessa etapa, você pode contar com Protex Íntimo, sabonete líquido com o exclusivo ácido láctico, fundamental para manter o equilíbrio dessa parte do corpo.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

O produto pode ser usado diariamente, inclusive durante a menstruação e a gravidez, quando o corpo sofre com alterações hormonais que podem desequilibrar a flora vaginal. Protex Íntimo conta com opções de tamanhos diferentes, que garantem mais praticidade no dia a dia.

Vá ao médico

Com o passar dos anos e a chegada da puberdade, as consultas médicas se tornam ainda mais necessárias para as mulheres. É a partir desse período que o clínico geral e, principalmente, o ginecologista passam a marcar presença na vida delas - isso porque os profissionais são os mais indicados para pedir exames preventivos e detectar doenças, como o câncer de colo do útero e de mama.

A frequência de visitas será determinada pelo próprio especialista, mas é fundamental não descuidar e deixar de ir, uma vez que o acompanhamento correto garante mais saúde e qualidade de vida. Também não tenha vergonha de compartilhar dúvidas e descobertas sobre o seu corpo com o médico, já que ele precisa desse retorno para conseguir prestar o atendimento completo e identificar algum tipo de problema.

Antes da consulta, faça uma lista de sintomas que você está sentindo para facilitar a conversa com o especialista. Não se preocupe, é comum que durante as consultas o médico avalie alguma reclamação com um exame de toque e solicite outros, como papanicolau, mamografia, hemograma e outros.

Pratique o autocuidado

Embora o autocuidado ainda esteja associado a uma rotina de beleza, seu conceito vai muito além. É verdade que ter um tempo para cuidar da pele e fazer procedimentos estéticos é importante, mas o autocuidado também abrange respeitar o descanso do seu corpo, praticar hobbies, marcar um check-up, investir em hábitos saudáveis e até mesmo realizar aquele desejo que você sempre quis, mas adia. Ou seja, autocuidado é aquele tempo para olhar para si e para as suas necessidades.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Cuide da sua saúde mental

Ao pensar em cuidados com o corpo, é preciso ir além do físico e considerar aspectos psicológicos também. Com a rotina agitada e o acúmulo de tarefas, é comum que as mulheres se sintam pressionadas e mais ansiosas, sinais que tendem se agravar com o tempo, principalmente se não recebem os devidos cuidados.

Caso você perceba uma tristeza constante, desânimo, apatia ou sintomas parecidos, a busca por ajuda especializada deve ser prioridade. Isso porque tais sinais são comuns a transtornos como estresse e depressão, que também podem desencadear outros problemas, como doenças cardiovasculares.

Aliado a isso, durante o dia uma opção que pode ajudar a relaxar a mente é praticar meditação ou ioga, técnicas capazes de aliviar o estresse e promover a sensação de bem-estar. Para isso, encontre um ambiente calmo, sente-se em uma posição confortável e faça uma mentalização positiva e a respiração profunda. Se preferir, é possível ainda colocar música e flores no ambiente para se sentir mais relaxada.

Pratique atividades físicas

É muito provável que você já tenha ouvido a recomendação de atividades físicas e uma alimentação balanceada para manter a saúde em dia e o peso sob controle. Mas você sabia que manter-se em movimento pode trazer benefícios que vão além do emagrecimento?

Quando você consegue adaptar sua rotina e passa a realizar atividades físicas com duração de pelo menos 30 minutos diariamente, investindo em uma alimentação com mais elementos naturais, há a melhora da circulação sanguínea, aumento da disposição, maior síntese de nutrientes, liberação de serotonina e menos riscos de desenvolver doenças como hipertensão e colesterol.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Tenha uma boa noite de sono

É principalmente à noite que o corpo consegue descansar, reparar os danos e se preparar para a manhã seguinte. Logo, quando o sono não é de qualidade, o dia pode começar com dores de cabeça e fadiga intensa - em longo prazo, o mau hábito pode acabar prejudicando também cérebro e coração. Por isso, siga a recomendação à risca e tente dormir, pelo menos, de sete a oito horas por noite.

Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.