Passe longe dos hábitos que causam a tendinite

Erros de postura e repetição de movimentos atraem o problema

POR REDAÇÃO - PUBLICADO EM 07/11/2008

Digitar, cozinhar e pentear os cabelos são situações que viram uma verdadeira tortura para pessoas com tendinite. As dores chegam a causar lágrimas, assim como a idéia de ser incapaz de realizar tarefas tão simples.

A lesão causada por sobrecarga muscular e articular normalmente está associada a repetições de movimento, como explica a fisioterapeuta Fabíola Andrade, do Instituto Patricia Lacombe.

O grande inimigo da saúde muscular é sua postura durante a realização das tarefas. "Todas as pessoas têm vícios posturais. Por isso, ao sinal de qualquer desconforto, é preciso buscar orientação de um profissional, que vai indicar onde está a sobrecarga e ainda dar sugestões para você realizar os movimentos com menor gasto energético e maior produtividade e prevenindo patologias", afirma a fisioterapeuta.

Também e importante realizar movimentos compensatórios nos casos de atividades que tragam muita sobrecarga. A má postura deixa músculos, tendões e ligamentos mais propícios a lesões. Confira a seguir algumas atividades que costumam desencadear casos de tendinite e tome os cuidados necessários, evitando somar mais um caso nas estatísticas do problema.



Cozinhar: Se você está no grupo das pessoas que vivem na cozinha comece a prestar atenção na postura diante da panela. Mesmo para mexer um prato é preciso tomar cuidado, deixe a coluna alinhada e nada de ficar por longos períodos colocando muita força no braço.



Jogar boliche: Se você é um fã assíduo do esporte, fuja dos exageros e, na hora das jogadas, fique atento a qualquer dor diferente nos músculos. Os movimentos bruscos nos punhos e a tensão nos dedos por causar a inflamação dos tendões.



Digitar: muito tempo na frente do computador são um chamariz para a tendinite. Mas nada de pânico, basta caprichar na postura, evitando curvar os punhos. Procure um especialista diante de qualquer mal estar em vez de protelar os cuidados.



Fazer escova: Horas e mais horas em frente ao espelho alisando os cabelos é sinal de perigo, ainda mais quando deixamos o corpo cair pelo cansaço. Para ficar bem longe dos problemas é preciso tomar cuidado com a força nos punhos e com os movimentos de repetição nos ombros. Quando o braço começar a ficar pesado demais, pare: sinal de que seu corpo precisa descansar.



Bebê no colo: Se o filhote é daqueles que não pára um minutinho se não estiver no seu colo é melhor começar a tomar mais cuidado. Períodos muito longos com a criança no colo podem sinalizar perigo. Comece a ensinar o pequeno a ficar mais em outros lugares e preste atenção na postura quando a situação for inevitável.



Passar e lavar roupa: Esfregar, torcer, passar. Atividades que acabam forçando além do limite os membros superiores. Para evitar complicações insira pausas nessas tarefas. Que tal assistir a um pouco de televisão ou dar uma volta para esfriar a cabeça e dar um descanso aos tendões?



Muito tempo ao telefone: Se você é daquelas que adora ficar horas pendurada no telefone é bom tomar cuidado, a tarefa parece que não exigir muito da musculatura, mas quando o tempo é muito longo pode oferecer grandes riscos e abrir portas para a tendinite (principalmente se você fica com o pescoço torto e a coluna desalnhada).

PUBLICIDADE
Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.