Paralisia Cerebral

ARTIGO DE ESPECIALISTA - PUBLICADO EM 27/02/2007

A paralisia cerebral (PC) é um transtorno persistente do movimento e da postura, causado por uma lesão não evolutiva do sistema nervoso central (SNC), durante o período precoce do desenvolvimento cerebral, limitado em geral, aos três primeiros anos de vida. Embora a paralisia cerebral esteja caracterizada fundamentalmente por um conjunto de alterações motoras, muitas alterações em nível comunicativo estão presentes: Atraso de linguagem - pode ocorrer considerando-se os seguintes aspectos:- Nível intelectual
- Distúrbios auditivos
- Dificuldades de atenção e concentração
- Aspectos psicossociais
- Envolvimento dos centros da linguagem no Sistema Nervoso Central

Distúrbios Articulatórios:
- Alterações nas funções de: sucção, mastigação, deglutição, respiração
- Alterações na percepção tátil, do movimento e acústica
- Comprometimento neuro-muscular que afeta os órgãos fonoarticulatórios: língua, lábios, palato (céu da boca), bochecha e mandíbula Distúrbios da voz: - Alterações da musculatura fonatória
- Alterações respiratórias
- Alterações funcionais do palato mole (céu da boca na parte mole) Dificuldades na aprendizagem da leitura e da escrita
Geralmente indivíduos acometidos pela paralisia cerebral recebem atendimento em entidades específicas, onde as orientações são passadas por profissionais especializados (Fonoaudiólogo, Fisioterapeuta, Terapeuta Ocupacional Psicólogo, Pedagogo).









PUBLICIDADE
Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.