Jovem sofre amputação de parte do polegar por morder pele dos dedos

O hábito de arrancar a pele dos dedos fez com Courtney Whithorn desenvolvesse um tipo raro de câncer de pele

POR REDAÇÃO - PUBLICADO EM 11/09/2018

Você provavelmente conhece alguém que vive mordendo a pele dos dedos quando está nervoso, ansioso ou até mesmo por mania. Talvez, você seja essa pessoa. No entanto, esse hábito pode ser muito perigoso. A universitária Courtney Whithorn, 20 anos, precisou amputar o polegar depois de desenvolver um tipo raro de câncer de pele.

PUBLICIDADE

Segundo o site britânico Daily Mail, a jovem começou a morder a pele do dedo em 2014 depois de sofrer bullying por colegas da escola. Então, seu polegar começou a ficar com a aparência escurecida e assustou Courtney, mas ela simplesmente passou a escondê-lo por vergonha.

Após alguns anos, em uma visita ao médico, a estudante descobriu que esse vício havia se transformado em um câncer raro conhecido como melanoma lentiginoso acral, que ocorre geralmente nas palmas, solas ou embaixo das unhas.

Courtney Whithorn precisou se submeter a duas cirurgias para remoção da doença, e mesmo assim teve que amputar parte do dedo.

"Eu tive um ataque de pânico. Li a palavra 'amputação' e não conseguia respirar. Eu me assustei! Nunca tínhamos falado sobre amputação", conta em entrevista ao site. Apesar de perder o dedo, não se sabe se a doença pode acabar voltando. Por isso, a paciente ainda aguarda os resultados do procedimento, mas ainda precisará fazer exames regularmente.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

A jovem decidiu contar sua história para encorajar outras pessoas que por algum motivo sentem-se intimidadas, assim como ela se sentia antes do câncer de pele. "Se eu pudesse dizer qualquer coisa, seria apenas: 'Se defenda! Não importa o que seja preciso, apenas se imponha'. Quando me perguntam quem é minha maior inspiração, hoje eu digo que sou eu. Seja você mesma e quem você precisa ser!", diz ao Daily Mail.

Veja imagem (forte) de como ficou o dedo da jovem após desenvolver câncer por morder pele do dedo:

Foto: Reprodução/DailyMail
Jovem sofre amputação de parte do polegar por morder pele dos dedos

O que é melanoma?

O melanoma é tumor maligno originário dos melanócitos (células que produzem pigmento) e ocorre em partes como pele, olhos, orelhas, trato gastrointestinal, membranas mucosas e genitais. Um dos tumores mais perigosos, o melanoma tem a capacidade de invadir qualquer órgão, criando metástases, inclusive no cérebro e coração. Portanto, é um câncer com grande letalidade. O melanoma cutâneo tem incidência bem inferior aos outros tipos de câncer de pele, mas sua incidência está aumentando no mundo inteiro. Há diversos tipos clínicos de melanoma, como o melanoma nodular, melanoma lentiginoso acral, melanoma maligno disseminado e melanoma maligno lentigo. Conheça mais sobre cada tipo, clicando aqui!

Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.