Adolescente morre na Bahia após contrair gripe H3N2

Caso aconteceu em Porto Seguro (BA), onde menina passava férias; veja os sintomas da doença

POR REDAÇÃO - PUBLICADO EM 16/07/2019

A adolescente Giovanna Marson, de 17 anos, estava em excursão a Porto Seguro (BA) com a escola quando apresentou sintomas da gripe H3N2. Ela foi internada no sábado (13) mas morreu na madrugada de domingo (14). No início, a suspeita é de que a menina houvesse contraído a gripe H1N1. No entanto, os exames feitos pela Secretaria Municipal de Saúde da cidade mostraram que se tratava do outro vírus, que é um subtipo do vírus influenza A.

PUBLICIDADE

O exame confirmou que outras duas adolescentes tiveram contato direto com a menina e também estão com a doença. Elas seguem internadas na região, mas não há notícias sobre o estado de saúde. As informações são do G1.

Segundo o Ministério da Saúde, até o início de julho, o País registrou 497 mortes pelo vírus influenza, sendo 44 casos (8,9%) causados pelo subtipo H3N2. Além dele, 314 mortes foram causadas pelo H1N1, 108 pela influenza A não subtipada e 31 pelo tipo B.

O que é a gripe H3N2?

O H3N2 trata-se de um subtipo do vírus influenza A, assim como o H1N1, H3N2, H7N1 e outros. O influenza A é um vírus causador da gripe influenza. Os vírus da gripe, basicamente, possuem os tipos A, B e C.

Existem diferenças entre H3N2, H2N3 e o H1N1?

Não há grandes diferenças no que diz respeito a que doenças causam, como se prevenir e como tratar. A diferença entre os três subtipos de vírus está nas proteínas específicas que cada um tem em sua superfície.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Eles são cepas diferentes do mesmo vírus, com características semelhantes.

Sintomas de Gripe H3N2

Os sintomas são bem parecidos com os da gripe comum:

  • Febre alta, em geral acima de 38ºC
  • Tosse seca
  • Dor de garganta
  • Falta de ar
  • Dores musculares
  • Fraqueza
  • Dor de cabeça
  • Náuseas e vômitos
  • Diarreia
  • Congestão nasal e espirros

É importante buscar ajuda médica se os sintomas forem muito intensos nas primeiras 48 horas, se a pessoa apresentar dispnéia (falta de ar) e se os sintomas persistirem por mais de sete dias.

Saiba tudo sobre gripe H3N2

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)
Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.