Insolação: sintomas, tratamentos e causas

Visão Geral

O que é Insolação?

A insolação é uma condição séria e fatal causada pelo excesso de exposição ao sol e ao calor intenso. Ela acontece quando a temperatura corporal ultrapassa os 40ºC, fazendo com que o mecanismo de transpiração falhe e o corpo não consiga se resfriar.

PUBLICIDADE

A insolação pode ocorrer quando a pessoa passa muito tempo em um ambiente com sol, se está trabalhando em locais com alta temperatura ou se exercitando em excesso.

Durante a insolação a temperatura do organismo aumenta, o que pode causar a perda de água e de nutrientes importantes. Tanto que o quadro de insolação é considerado emergencial, já que se não for tratada rapidamente pode trazer danos ao cérebro, coração, rins e músculos.

Causas

A insolação é causada por situações em que a pessoa está em ambientes muito quentes ou faz esforço físico que eleva a temperatura do corpo, como:

  • Passar o dia sob o sol sem protetor solar (na praia, por exemplo)
  • Praticar atividades extenuantes
  • Usar excesso de roupas
  • Ficar sem se hidratar por muito tempo.

Fatores de risco

Alguns fatores aumentam o risco de ter uma insolação, como:

  • Não beber líquidos adequadamente
  • Ter doenças crônicas (como diabetes)
  • Ingerir álcool ou cafeína em excesso.

Algumas pessoas têm mais risco de terem insolação como:

  • Crianças e bebês
  • Idosos
  • Pessoas com problemas que levam a desidratação, como quem tem gastroenterite
  • Pessoas que praticam atividades extenuantes, como atletas, soldados e trabalhadores que realizam atividades que envolvem esforços físicos sob o sol (como pedreiros).

Algumas medicações também podem aumentar o risco de ter insolação, como vasoconstritores, medicamentos para pressão alta que bloqueiam a adrenalina, diuréticos e alguns antidepressivos e antipsicóticos.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Sintomas

Sintomas de Insolação

A insolação causa sintomas que aparecem aos poucos, como:

  • Cefaleia (dor de cabeça)
  • Tonturas
  • Náuseas
  • Pele quente e seca (sem suor), às vezes avermelhada
  • Pulso rápido
  • Temperatura corporal elevada
  • Distúrbios visuais
  • Fraqueza muscular
  • Confusão.

Outros sintomas surgem de repente, como:

  • Respiração rápida e difícil
  • Palidez
  • Desmaios
  • Extremidades arroxeadas.

Algumas pessoas também podem ter convulsões

Saiba mais: Previna e trate as queimaduras de sol

Buscando ajuda médica

A insolação é uma emergência médica, portanto, diante desses sintomas,a pessoa deve ser levada imediatamente ao hospital para avaliação médica.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Diagnóstico e Exames

Primeiros socorros

Depois de chamar a emergência, o objetivo dos primeiros socorros em casos de insolação é tirar a pessoa do calor e baixar sua temperatura corporal. Para tanto é preciso:

  • Remover a pessoa para um local fresco, ventilado e à sombra
  • Remover o máximo de peças de roupa possível da pessoa
  • Se consciente, mantê-la em repouso e com a cabeça elevada
  • Oferecer bebidas geladas, principalmente água
  • Borrifar água fria sobre o corpo da pessoa delicadamente
  • Pode-se aplicar compressas de água fria na testa, pescoço, axilas e virilhas (exceto em idosos)
  • Outra possibilidade é imergir a pessoa em água fria ou colocá-la em roupas ou panos encharcados.

Saiba mais: Primeiros socorros para queimaduras, insolação e outros acidentes da praia

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar a insolação são:

  • Clínico geral
  • Pediatra
  • Dermatologista.

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade
  • Se possível, peça para uma pessoa te acompanhar.

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • Quando os sintomas começaram?
  • Você foi exposto ao sol por um longo período?
  • Tem dificuldades em se hidratar?
  • Teve febre ou diarreia?
  • Quão severos são esses sintomas?
  • Quais medicamentos você está tomando atualmente?
  • Você sabe qual era o peso do seu ou do seu filho antes de os sintomas começarem?

Também é importante levar suas dúvidas para a consulta por escrito, começando pela mais importante. Isso garante que conseguirá respostas para todas as perguntas relevantes antes da consulta acabar. Para insolação, algumas perguntas básicas incluem:

  • O que está causando esses sintomas?
  • Que tipos de testes são necessários?
  • Qual tratamento você recomenda?
  • Quanto tempo depois do tratamento haverá melhora?
  • Há alguma restrição alimentar?
  • Existe alguma coisa que eu possa fazer para evitar a recorrência da insolação?
  • Eu tenho outras condições de saúde. Preciso alterar os tratamentos que tenho usado para eles?

Não hesite em fazer outras perguntas, caso elas ocorram no momento da consulta.

Diagnóstico de Insolação

A insolação normalmente é diagnosticada através dos sintomas apresentados pelo paciente. No entanto o médico pode lançar mão de exames para confirmar o diagnóstico ou verificar se houve dano a algum órgão. Os exames usados são:

  • Hemograma: principalmente para verificar as taxas de sódio e potássio e se há gases no sangue que possam indicar danos do sistema nervoso
  • Exame de urina: para checar o funcionamento do rim
  • Testes de função muscular: para ver se houve algum dano ao tecido muscular
  • Exames de imagem, como o raio-X: para ver se houve danos em outros órgãos internos.
NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Insolação

O tratamento para insolação consiste em reduzir a temperatura corporal da pessoa. Para isso, algumas técnicas são usadas:

  • Levar a pessoa com insolação para um lugar fresco, com sombra e ventilação
  • Retirar o máximo de roupas possível
  • Se consciente, mantê-la em repouso e com a cabeça elevada
  • Oferecer bastante água fria ou outro tipo de líquido não alcoólico
  • Borrifar água delicadamente em todo o corpo da pessoa ou até mesmo fazer compressas de água fria na testa, axilas, pescoço e virilhas
  • Se possível, dar um banho frio ou envolvê-la com panos ou roupas molhadas
NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Convivendo (prognóstico)

Insolação tem cura?

De acordo com a dermatologista Anna Paula Molinari Nardi, a insolação tem cura sim, mas deve ser tratada com rapidez para que não ocorra outras complicações.

Saiba mais: Aproveite o calor sem sofrer com a insolação

Convivendo/ Prognóstico

Siga à risca as orientações médicas e livre-se o quanto antes do problema. Veja algumas medidas caseiras que você pode adotar para acelerar o tratamento e a recuperação da insolação:

  • Faça compressa com água fria para controlar a temperatura corporal
  • Beba de 8 a 10 copos de líquidos leves (de preferência água)
  • Use soro caseiro
  • Faça refeições pequenas ao longo do dia, em vez de três refeições grandes
  • Descanse bem.

Como preparar o soro caseiro: misture em um litro de água mineral, de água filtrada ou de água fervida (mas já fria) uma colher pequena (tipo cafezinho), de sal e uma colher grande (tipo sopa), de açúcar. Ofereça o dia inteiro ao doente em pequenas colheradas.

Complicações possíveis

A insolação não tratada ou tratada tardiamente pode causar complicações em diversos órgãos vitais, como o cérebro. Além disso, pode levar à desidratação e diarreia. Sem tratamento imediato, cerca de 80% das pessoas morrem. Em cerca de 20% das pessoas que sobrevivem, o cérebro pode não se recuperar completamente, causando alterações de personalidade, letargia ou falta de coordenação. Em alguns casos, os rins não se recuperam totalmente.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Prevenção

Prevenção

As medidas de prevenção da insolação são bem simples:

  • Evitar permanecer sob o sol entre as 10 e as 16 horas
  • Use roupas leves, de cores claras e que não fiquem apertadas ao corpo
  • Use protetor solar com FPS 30 ou mais e evite queimaduras na pele
  • Beba muitos líquidos, para evitar a desidratação. Prefira água, água de coco e sucos de frutas naturais. Mas tome cuidado com as bebidas alcoólicas, que em excesso causam desidratação
  • Ao se exercitar no verão, beba muitos líquidos duas horas antes da atividade, durante e depois
  • Cuidado com os momentos mais quentes do dia (das 11h da manhã até as 15h da tarde), bebendo bastante água e tentando permanecer na sombra
  • Evite deixar pessoas no carro em dias de muito sol, já que o risco nestas situações é maior.

SAIBA MAIS

Você sabe se proteger da insolação em qualquer lugar?

Siga estas dicas para correr no verão sem passar mal

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Fontes e referências